Direito ao acompanhante

Você sabia que existe uma lei que prevê o direito da mamãe receber um acompanhante durante o parto?

A Lei 11.108, intitulada Lei do Acompanhante, em vigor desde 2005, prevê que os hospitais e maternidades permitam a presença de um acompanhante presente durante o trabalho de parto, no parto e pós-parto em todos os hospitais brasileiros, sejam eles particulares ou públicos.

É importante lembrar que o acompanhante pode ser qualquer pessoa indicada pela gestante – o papai do bebê, a mãe, uma amiga, uma doula -, e não importa o sexo ou se há grau de parentesco.

Exames do pré natal

Quais os principais exames do pré-natal?

O pré-natal é importantíssimo em toda gravidez, seja ela tendo sido planejada ou não. Ele corresponde ao acompanhamento médico que visa garantir a integridade da mamãe e do bebê durante todo o período de gestação.

Nesta fase, são realizados diversos exames laboratoriais para acompanhar a evolução da gravidez, identificar e tratar doenças, e deve ser iniciado assim que a gravidez for confirmada – para isso, escolha um médico obstetra de sua confiança. No Centro Paulista de Parto Natural, somos especializados em obstetrícia e ginecologia, e temos ênfase no acolhimento a gestantes que desejam vivenciar um processo de gravidez que culmine no parto natural.

Os principais exames feitos durante o pré-natal se dividem basicamente em duas categorias: exames de sangue e de imagem. Confira os mais comuns:

(mais…)

Ouvir o coração do bebê

Com quantas semanas é possível ouvir o coração do bebê?

Uma das principais inseguranças entre as gestantes é entender em que momento já é possível ouvir o coração do bebê bater. Muitas mulheres, ao descobrirem a gravidez, já agendam o ultrassom na esperança de ouvir o bater mais precioso de suas vidas. E muitas se frustram.

Isso acontece pois, em geral, só é possível ouvir o coração do bebê em um ultrassom transvaginal a partir da 6a semana de gestação, que é contada a partir da data da última menstruação.

(mais…)

Refluxo na Gravidez

Refluxo na gravidez: por que acontece e como amenizá-lo

Refluxo na gravidez é uma das principais queixas entre as gestantes, juntamente com a azia e a queimação. Isso acontece pois, devido ao crescimento do útero e do bebê, alguns órgãos acabam sendo deslocados para cima – entre eles, o estômago, fazendo com que o suco gástrico faça o caminho inverso, para a garganta. Além disso, a progesterona, hormônio encontrado em altas doses no corpo da gestante, retarda o funcionamento do sistema digestivo.

(mais…)