CPPN - Centro Paulista de Parto Natural

Quem pode realizar um Parto Natural?

Levando em consideração a filosofia o Parto Natural, a grande maioria das mulheres está apta a se submeter a esse tipo de parto. É durante o pré-natal que elas devem ser encorajadas a esta escolha, já que são poucas as situações que impedem a tentativa do Parto Natural.

Contraindicações absolutas ao Parto Natural (onde a indicação da cesárea é inquestionável):

  • placenta prévia centro total: situação na qual a placenta recobre todo o colo do útero, impedindo a passagem do bebê.
  • gestante com 3 ou mais cesáreas anteriores.
  • gestação com 3 ou mais fetos.
  • herpes genital com lesão ativa no final da gestação.

Contraindicações relativas ao Parto Natural (casos em que pode surgir a necessidade de cesariana no decorrer do trabalho de parto):

  • prolapso de cordão: quando o cordão umbilical se coloca na frente da cabeça do bebê.
  • situação transversa: o bebê se encontra atravessado dentro do útero.
  • 2 cesáreas anteriores.
  • desproporção céfalo-pélvica: situação em que o bebê é grande demais e pode ter sua passagem impossibilitada durante o trabalho de parto.
  • frequência cardíaca fetal não tranquilizadora: quando o bebê entra em ‘sofrimento fetal’ durante o trabalho de parto.

Sua gravidez assistida do início ao fim

Enviar Whatsapp
Fale Rapidamente Pelo Whatsapp!
Olá, gostaria de agendar uma consulta no Centro Paulista de Parto Natural?